30 de maio de 2018 às 14:11

Robô entregará pílulas abortivas na Irlanda do Norte

Um robô operado da Holanda passará a entregar pílulas abortivas nesta quinta-feira (31) em Belfast, capital da Irlanda do Norte. A interrupção da gravidez é proibida no país, porém por questões de confidencialidade e privacidade, além do fato da máquina n

Crédito:Divulgação

Divulgação

Robô comandado da Holanda entregará pílulas abortivas nesta quinta na Irlanda do Norte

Um robô operado da Holanda passará a entregar pílulas abortivas nesta quinta-feira (31) em Belfast, capital da Irlanda do Norte. A interrupção da gravidez é proibida no país, porém por questões de confidencialidade e privacidade, além do fato da máquina não ser controlada de dentro das fronteiras norte-irlandesa, um buraco na legislação será explorado para que mulheres possam escolher abortar.

A ação é uma colaboração entre as organizações Women on Waves, Women on Web e a ROSA Northen Ireland. As entidades buscam chamar a atenção às leis restritivas ao aborto e as acusações às mulheres do país.

VEJA TAMBÉM

A medida vem poucos dias depois da Irlanda votar, em um referendo, a legalização do aborto no país. O robô é um método para pressionar as autoridades norte-irlandesas a modificarem a legislação referente ao tema.

Em Belfast, o conselho municipal aprovou em abril uma moção condenando a prisão e a tentativa de julgamento de mulheres que compram pílulas de aborto pela internet.

Segundo a lei da Irlanda do Norte, se mulheres tomam pílulas enquanto grávidas, elas cometem uma irregularidade. No entanto, elas não podem ser forçadas a passar por testes de gravidez, e médicos devem manter a confidencialidade sobre a gravidez de pacientes.

Isso, somado ao fato dos operadores do robô estarem em Amsterdã, dá respaldo para que mulheres busquem as pílulas e se orientem com médicos localizados na Holanda para a realização do aborto, sem que a legislação seja quebrada.

Fonte: UOL

comentários

| Rádio Caraíba AM'); }
Estúdio Ao Vivo