menu

11 de maro de 2018 às 02:00

Recorde de lançamentos alimenta expansão de Itaquera

Com o investimento em políticas habitacionais e melhorias na infraestrutura, Itaquera tem recebido um número recorde de novos empreendimentos próximos às principais avenidas e com fácil acesso ao transporte público.

LARISSA TEIXEIRA
SÃO PAULO

Com o investimento em políticas habitacionais e melhorias na infraestrutura, Itaquera tem recebido um número recorde de novos empreendimentos próximos às principais avenidas e com fácil acesso ao transporte público.

Um dos pontos de desenvolvimento da região é o entorno da avenida Jacu Pêssego, que, entre 2008 e 2010, ganhou os trechos de ligação com a rodovia Ayrton Senna e o Rodoanel. Na avaliação de especialistas, as obras foram fundamentais para trazer alternativas ao trânsito da região e criar uma conexão melhor entre o aeroporto de Guarulhos e o porto de Santos.

"Os prédios lançados no entorno das estações de trem e metrô têm uma boa receptividade", diz Daniela Ferrari, diretora de negócios da construtora Tenda.

No ano passado, o bairro foi o campeão de lançamentos do mercado imobiliário na zona leste, com 1.141 novas unidades, segundo um levantamento do Grupo ZAP Viva Real. Entre 2013 e 2017, foram 34 novos empreendimentos e quase 6.000 apartamentos lançados.

De acordo com a pesquisa, cerca de 90% dos novos edifícios possuem dois dormitórios, e os imóveis têm em média 46,5 metros quadrados.

Luiz Armando Fairbanks de Sá, gerente de Incorporações da construtora Plano&Plano, afirma que o crescimento da região tem atraído casais jovens em busca da primeira moradia, com renda entre R$ 2.000 e R$ 4.000.

Neste ano, a construtora deverá entregar a primeira torre do Plano & Itaquera, com plantas de 40 a 44 metros quadrados e apartamentos a partir de R$ 175 mil. Em 2020, será entregue o Plano & Estação Itaquera, com área de 40 e 41 metros quadrados, a partir de R$ 155 mil.

"O desenvolvimento do bairro nos últimos anos tornou Itaquera mais atraente e levou incorporadoras a trazer empreendimentos para um público que não tinha muitas oportunidades", diz Fairbanks. A expectativa dele é que o interesse imobiliário pela região continue nos próximos anos.

O Carolina Village, entregue em julho pela Tibério, está próximo às principais vias de acesso da zona leste e tem apartamentos de dois e três dormitórios que vão de 47 a 63 metros quadrados, comercializados a partir de R$ 235 mil. Já o Living Family, da Living Construtora, previsto para 2019, terá área de lazer e plantas de 45 a 62 metros quadrados, a partir de R$ 220 mil.

O corretor de imóveis Felipi Adauto, 30, que mora em Itaquera desde que nasceu, comemora especialmente a melhoria na malha viária. "Em 15 minutos chego ao aeroporto de Guarulhos e em pouco mais de uma hora à Praia Grande", afirma.

Fonte: FOLHA

comentários

Estúdio Ao Vivo