menu

25 de junho de 2017 às 02:00

Críticos infantis indicam peça de bonecos e livro sobre mulheres transformadoras

Mônica Rodrigues da Costa, jornalista especializada em infância, sugere a peça "Menino Coragem"

DE SÃO PAULO

Mônica Rodrigues da Costa, jornalista especializada em infância, sugere a peça "Menino Coragem"

A partir de 5 anos

O espetáculo é um conto de fadas contemporâneo que narra o périplo do garoto Zaki pelo mar e pelas estradas da terra, em jornadas ao lado de sua irmã menor e de um cão de estimação. Os dois saem pelo mundo para se proteger da guerra, depois que se perdem dos pais durante a fuga da família da região natal. Nesse teatro de bonecos da Cia. Articularte, muito expressivo e encenado quase sem palavras, formas animadas se transformam em dançarinos que interagem com os personagens em algumas cenas.

Teatro Cacilda Becker. R. Tito, 295, Lapa, região oeste, tel. 3864-4513. Sáb. e dom.: 16h. 45 min. Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5. A partir do dia 2/7, a peça estará em cartaz no Teatro Décio de Almeida Prado (r. Cojuba, 45, Itaim Bibi, tel. 3079-3438).

*

Gabriela Romeu, jornalista especializada em infância, indica a peça "Antes do Dia Clarear"

A partir de 6 anos

Numa atmosfera saudosista, criada por uma caprichada direção de arte, os palhaços Sandoval e Dadúvida desafiam a lenda circense de que é proibido pisar no picadeiro à meia-noite, horário reservado às apresentações dos artistas fantasmas. Com trilha sonora que nos remete aos circos de antigamente, a peça traz envolventes truques de mágica e acrobacia.

Sesc Osasco. Av. Sport Club Corinthians Paulista, 1.300, Jardim das Flores, Osasco, tel. 3184-0900. Dom. (2): 15h30. GRÁTIS

*

Bruno Molinero, do blog Era Outra Vez, recomenda o livro "Histórias de Ninar para Garotas Rebeldes"

A partir de 10 anos

A narrativa é de contos de fadas, mas "Histórias de Ninar para Garotas Rebeldes" fala de cem mulheres que existiram de verdade (ou ainda estão vivas) e transformaram o planeta. O livro mostra ao público infantil a vida de astronautas, cientistas, tatuadoras, marinheiras, matemáticas... Todas ilustradas por mais de 60 mulheres, que emprestaram seus traços a biografias que vão de Malala Yousafzai, vencedora do Prêmio Nobel da Paz em 2014, a Cleópatra.

Autoras: Elena Favilli e Francesca Cavallo. Tradutores: Carla Bitelli, Flávia Yacubian e Zé Oliboni. Ilustradoras: várias. Editora: V&R (2017, 207 págs., R$ 99,90)

Fonte: FOLHA

comentários

Estúdio Ao Vivo