12 de julho de 2018 às 13:43

Absolvido no DF, Lula ainda responde a outros processos na Justiça; entenda

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi absolvido nesta quinta-feira (12) em processo em que era acusado de obstrução à Justiça na Lava Jato.

Crédito:Avener Prado/Folhapress

Avener Prado/Folhapress

Lula acena para simpatizantes do Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo, após sua prisão ter sido decretada por Moro

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi absolvido nesta quinta-feira (12) em processo em que era acusado de obstrução à Justiça na Lava Jato.

Com a sentença publicada nesta quinta-feira, Lula ainda responde a mais três processos na Justiça Federal no Distrito Federal. Dois desses processos referem-se à Operação Zelotes: um por tráfico de influência e outro por venda de Medida Provisória de incentivos fiscais a montadoras. O terceiro processo ainda em aberto é sobre liberação de empréstimos do BNDES, na Operação Janus.

No Paraná, em ações ligadas à Lava Jato, Lula já foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no processo do tríplex. Já julgado pela segunda instância, esse processo levou o petista à prisão. Desde 7 de abril, ele cumpre sua pena na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. A absolvição de hoje não modifica a prisão, por se tratar de processos diferentes.

Lula ainda aguarda os últimos movimentos do processo sobre um terreno para o Instituto Lula e um apartamento alugado para ele. A sentença deverá ser conhecida perto da eleição, já que ainda resta aos réus e à acusação apresentarem seus últimos argumentos a Moro. Ainda não há data definida para isso.

Já o processo sobre o sítio em Atibaia (SP) ainda terá testemunhas de defesa sendo ouvidas em agosto. Lula será interrogado pela terceira vez por Moro em 11 de setembro. Apenas após essa etapa o processo irá rumar para seu final.

A defesa do ex-presidente nega as acusações em todos os protestos e diz que ele é alvo de perseguição política.

Fonte: UOL

comentários

Estúdio Ao Vivo